Como a Fonoaudiologia avalia a leitura dos escolares



A área fonoaudiológica atua, dentro da especialidade de linguagem, com a prevenção, avaliação e tratamento dos transtornos de comunicação, incluindo as questões orais, como a fala e os aspectos escritos, como a leitura.

No caso específico da leitura, a avaliação tem como objetivo, identificar a presença de alterações, comparando o desempenho da habilidade com os padrões de normalidade para a série e escolaridade.

Dentre os aspectos de leitura, o processo diagnóstico deve dar conta de dois componentes: a decodificação e a compreensão leitora.

A primeira, decodificação, é a capacidade relacionada ao reconhecimento de palavras, que permite a identificação dos estímulos recebidos visualmente durante a leitura e o acesso ao seu significado. Sendo dependente, inicialmente, das capacidades de associação fonema-grafema, que levam ao aprendizado do princípio alfabético e dos padrões ortográficos, progressivamente rápidos, precisos e automáticos.

Atualmente, os parâmetros quantitativos como a taxa (velocidade, em palavras por minuto) e a acurácia (precisão, em palavras corretas por minuto) são os mais utilizados na caracterização da fluência da leitura e no diagnóstico de suas desordens . Esses valores são comparados aos parâmetros normativos de acordo com a idade e escolaridade.

Já a compreensão leitora, seria o processo de atribuição de significado a um texto escrito, envolvendo tarefas cognitivas e metacognitivas que elaboram a construção mental. Esse processo se inicia com o acesso ao significado das palavras e continua na contextualização dos significados no nível da frase, possibilitando a compreensão das relações de significado. No final integram as informações na representação de um conhecimento que será confrontado com outros prévios.

A avaliação da compreensão leitora pode envolver atividades como: respostas a questões abertas, de múltipla escolha, análise do conteúdo do reconto (oral ou escrito), questionamentos aos marcos da narrativa e as suas relações. Sendo estes advindos de materiais confiáveis e validados.


Bibliografia:

Imagem: https://www.pinterest.es/pin/859554278853985867/

Texto: Kiida ASB, Chiari BM, Ávila CRB. Escalas de leitura: proposta de avaliação das competências leitoras. Rev Soc Bras Fonoaudiol. 2010; 15(4): 546-53.

Destaques
Posts Recentes
Procure por

RM 2014